Quem passa pela Rua dos Franceses não pode deixar de admirar o suntuoso palacete que abriga a Mansão Hasbaya – Buffet Manaus. Em 14 de setembro de 1959 foi fundado por libaneses o Clube Hasbaya. Um clube onde os filhos de Hasbaya e seus descendentes pudessem dar continuidade aos valores culturais desta cidade libanesa.

Frequentadora da Mansão, pude assistir a shows, participar de festas de casamentos, exposições de arte e muitos eventos que diga-se de passagem, perfeitos em todos os aspectos. Mas em um dos eventos que participei, pude saborear uma culinária esmerada, com um tempero na medida certa, e resolvi fazer esta matéria para meus leitores a respeito do “maestro”, ou melhor, do Chef Anderson Vitorino, que rege a culinária da Mansão.

Em nosso bate papo, Anderson contou que quando garoto trabalhou em um restaurante por kilo, e era responsável pela balança. Aos poucos ele foi se interagindo cada vez mais e descobriu sua paixão pela gastronomia.

Chef Vitorino fala com orgulho que nos 18 anos de experiência, adquiriu muitas técnicas, procurou conhecimentos, cursos com chefs renomados; tudo isso para chegar a perfeição dos pratos que hoje serve com muito orgulho nos eventos da Mansão Hasbaya. Ele destaca o nome de Aldo Teixeira, um mestre que lhe ensinou muito. Diz com veemência que um chef não trabalha sem uma equipe, e vice versa. É exigente com todos e principalmente com ele mesmo. E diz que uma das fórmulas para uma cozinha ter sucesso é muito diálogo, muita explicação para tirar as dúvidas, gostar do que faz e união.

Quando um prato é elogiado, ele diz que o elogio é para todos. Contou que uma vez ele estava trabalhando em um restaurante de um hotel, e com a correria resolveu fazer um risoto de bacalhau. O dono do restaurante perguntou quem havia feito aquele prato. Respondeu que havia sido ele.

Ficou muito feliz pois a cliente chamou o prato de divino. Esta é a convicção de que você está no caminho certo. “É isso que nos dá ânimo, força e muito incentivo para continuar”, diz Chef Vitorino. Na Mansão Hasbaya, ele diz que a salada de folhas verdes com molho de mel e aceto balsâmico é um prato simples, mas o mais pedido. E a sobremesa mais requisitada é a pera glaceada ao vinho, muito saborosa por sinal.

Perguntei ao Chef se alguma vez ele passou algum apuro. Ele sorri e conta que uma vez fez um evento para 50 pessoas. Quando estava levando o bolo, no trajeto o carro que estava foi fechado e o bolo se espatifou por inteiro. Ligou desesperado para a confeitaria e quando chegaram os confeiteiros fizeram um novo bolo em 10 minutos. Nossa que sufoco, mas no final tudo deu certo.

Este rapaz calmo, tem um brilho nos olhos quando fala de sua paixão pelas massas e molhos. Diz que pode “brincar” com os molhos, pois é a base de uma alquimia maravilhosa, infinita para preparar inúmeros pratos, e até inventar novos cardápios. Finalizo perguntando o que é a gastronomia para ele, e me responde emocionado: “Uma arte, que me trouxe uma boa lição de conhecimento, e através da qual levo o sustento para minha família”.

Ele tem um sonho e sei que vai conseguir realizá-lo, ter um bistrô de massas.

Manja que te fa bene!!!

Chef Anderson Vitorino
Contatos: Facebook Chef Anderson Vitorino
WhatsApp: 93011-7746

ACESSE A MATÉRIA COMPLETA:
http://revistapaulista.com.br/2017/08/27/chef-anderson-vitorino-o-renomado-chef-da-mansao-hasbaya/


Ana Bittar
Artista Plástica
Colunista da Revista Paulista – www.revistapaulista.com.br

Instagram:
@anabittaroficial

Contato:
anabittar.artist@gmail.com